TIGER WOODS ANUNCIOU QUE REGRESSA AO GOLFE COMPETITIVO A 30 DE NOVEMBRO PARA DISPUTAR O HERO WORLD CHALLENGE NAS BAHAMAS

 

I - Introdução

O Torneio Hero World Golf Challenge, de que Tiger Woods – que faz 42 anos em 30 de Dezembro – é anfitrião, cujas receitas revertem para a sua Fundação, realiza-se de 30 de Novembro a 3 de Dezembro, nas Bahamas, com um field de 18 jogadores.

No ano passado Tiger Woods disputou este evento, tendo ficado no antepenúltimo lugar do torneio, que foi ganho pelo japonês Matsuyama.

A questão que se poderá colocar nas vésperas do início do Hero World Challenge é se Tiger Woods irá regressar ao golfe competitivo participando nos eventos do seu próprio calendário de torneios para o próximo ano.

 

Dito de outra forma – será que a fusão das vertebras L5 e S1, irão resolver em definitivo as dores que sente nas costas desde que acorda?

Esta é a resposta que Tiger quererá ter, para garantir o seu regresso continuado ao PGA Tour, acabando de vez com os vídeos: isolado a bater bolas – para os patrocinadores verem – ou a realizar partidas de golfe, como a última que efectuou em Novembro, no Trump National Golf Club, em Jupiter, na Florida, em que teve como parceiros o Presidente Trump, Dustin Johnson e Brad Faxon, membro daquele Clube.

Tiger presentemente sente-se liberto de dores e segundo os seus parceiros testemunharam, bate drives "sem medo" e "agressivos" ombreando com Dustin Johnson em distância e continuando a afirmar-se no jogo curto, como no passado.

II – As lesões de Tiger

Tiger Woods tem sido vítima de muitas lesões no corpo, que lhe coartaram o seu jogo de golfe, implicando dores, tendo começado no seu joelho esquerdo em 2007, o que implicou uma cirurgia em 2008.

Em 2010 Tiger desistiu na ronda final do The Players Championship, queixando-se de dores no pescoço.

Mais tarde em 2011, o natural de Jupiter Island, na California, desistiu no Wells Fargo Championship, por o joelho esquerdo associado a um problema no tendão de Aquiles na mesma perna, o impedir de continuar a jogar.

Mais tarde – em Março de 2012 – ainda devido aquele tendão, Tiger desistiu no WGC – Cadillac Championship.

Em Junho de 2013 Woods, devido a dores no cotovelo esquerdo, é aconselhado a repouso absoluto e desiste de disputar, naquele ano, o AT&T National, isto após ter terminado no 32º lugar, empatado, o US Open.

É no primeiro trimestre de 2014 que surgem as suas primeiras queixas ao nível da anca, desistindo no green do buraco 13, na primeira ronda, no Honda Classic.

Em Abril daquele ano o californiano anuncia que não irá estar presente no Masters Tournament, isto, pela primeira vez na sua carreira profissional – iniciada em 1996 – revelando que havia sido sujeito a uma cirurgia a um nervo nas costas.

Após esta primeira cirurgia, em Agosto de 2014, Woods desiste no nono buraco da ronda final do WGC – Bridgestone, queixando-se de dores ao nível da anca, sendo este o terceiro torneio que disputou desde que se submeteu, em Março daquele ano, à primeira intervenção cirúrgica na coluna.

Em Fevereiro de 2015, na sua segunda saída do ano, após ter percorrido 11 buracos no Farmers Insurance Open, começa a sentir dores nas costas e justifica este facto com o atraso nas saídas para o jogo, devido ao nevoeiro, o que provocou a sua imobilidade física.

Em meados de Setembro de 2015, Tiger Wodds anunciou que tinha feito segunda cirurgia às costas para remover um fragmento dum disco que se encontrava a pressionar um nervo, o que lhe provocou a não presença, no Frys.com Open, no Bridgestone America’s Golf Club e no seu torneio, Hero World Challenge, de 2016.

Em Outubro de 2015, anuncia no seu website que fez uma terceira cirurgia que tinha sido efectuada na sequência da anterior, para eliminar o desconforto que a anterior lhe tinha provocado.

Esta cirurgia, segundo Tiger, foi efectuada em Utah, pelo mesmo cirurgião que o tinha operado em Setembro de 2015.

Em Abril de 2016 Woods anunciou que não disputava o  Masters Tournament, pela segunda vez em três anos, seguindo o conselho dos médicos.

Em Setembro de 2016 Woods afirma que espera voltar às competições no Safeway Open, que se realizava de 13 a 16 de Outubro, segundo o calendário do PGA Tour de 2016-2017, informando também que iria disputar o Turkish Airlines – torneio do European Tour – em Novembro e o Hero World Challenge, em Dezembro.

No início de Outubro de 2016 Woods desiste oficialmente de participar no Safeway Open justificando esta sua não presença no torneio, devido a considerar que o seu jogo estava ‘vulnerável’, longe do que devia estar, dada que a sua ‘saúde é boa e se sente forte’, informando também na sua declaração, que não estaria presente no Turkish Airlines, esperando porém participar no Hero World Challenge, em Dezembro.

Em Fevereiro de 2017, Woods desistiu antes de iniciar a segunda ronda, no Omega Dubai Desert Classic, devido, segundo o seu agente Steinberg, a espasmos nas costas.

Nesse mesmo mês Woods anunciou que não estaria presente no Genesis Open e no Honda Classic, dois dos quatro eventos que faziam parte do plano do ano, numa sequência de cinco semanas.

Em Março de 2017 Tiger Woods ‘falha’ o Arnold Palmer Invitational, continuando a recuperar dos espasmos nas costas.

E neste mesmo mês, não se sentindo em boa forma, não disputa o Masters Tournament, pela terceira vez em quatro anos.

Em Abril de 2017, Woods anuncia no seu website que se sujeitou a uma nova operação à coluna, para aliviar as dores nas suas costas e perna, que lhe era provocada pelo nervo ciático, que se encontrava pressionado pela deslocação dum disco que não lhe deixava espaço suficiente para o nervo.

Woods efectuou a mais extensa cirurgia da sua vida – a fusão da L5 da coluna com a primeira vertebra do sacro, a S1.

Desde então Woods, segundo ele próprio afirma, vive sem dores ansiando regressar ao golfe competitivo no PGA Tour.

III – Resumo da actividade desportiva de Tiger Woods de 2013 a 2017

Tiger Woods tem no seu palmarés: 79 vitórias no PGA Tour – sendo o jogador com mais triunfos após Sam Snead, que obteve 82 vitórias de carreira.

Tiger tem 106 títulos profissionais.

Os 14 Majors que Woods obteve – que se encontram incluídos no número de vitórias atrás referidas – coloca-o em segundo lugar atrás de Jack Nicklaus, que conquistou ao longo da sua carreira 18 títulos em Majors.

As vitórias nos Majors que Tiger Woods obteve, foram nos anos seguintes:

- MastersTournament – 1997; 2001, 2002 2005

- US Open – 2000, 2002, 2008

- The Open Championship – 2000, 2005, 2006

- PGA Championship – 1999, 2000, 2006, 2007.

Tiger foi distinguido por onze vezes com o título de ‘Jogador do Ano’ no PGA Tour.

Woods que se manteve como nº1 no ranking mundial durante 683 semanas, é na semana 47 de 2017, o nº 1.199 neste ranking, tendo tido no fim de 2016, o nº 652.

IV – Breve história do desempenho de Tiger Woods nos torneios do PGA Tour nos anos 2013 a 2017

Ano 2013

 

Eventos

Cut
(b)

Vitórias

Top-10

Top-25

Money        
($US; €)

Ano

16

16

5

1

0

8

10

8.553.439
(7.174.360)

Carreira

309

289

79

29

19

185

245

109.504.139
(91.848.700)

(b) – Nº de torneios efectuados por Tiger em que não falhou o cut

Ano 2014

 

Eventos
(a)

Cut
(b)

Vitórias

Top-10

Top-25

Money        
($US; €)

Ano

7

5

0

0

0

0

1

108.275
(90.817)

Carreira

316

294

79

29

19

185

246

109.612.414
(91.939.500)

(a) – Tiger desistiu no Honda Classic e no WGC – Brigestone Invitational

(b) - Nº de torneios efectuados por Tiger em que não falhou o cut  - Neste ano falhou o cut: no Quicken Loan National; e, no PGA Championship.

Ano 2015

 

Eventos
(a)

Cut
 (b)

Vitórias

Top-10

Top-25

Money        
($US; €)

Ano

11

7

0

0

0

1

3

448.598
(376.270)

Carreira

327

301

79

29

19

186

249

110.061.012
(92.315.800)

(a) – Tiger desistiu no Farmers Insurance Open

(b) - Nº de torneios efectuados por Tiger em que não falhou o cut - Neste ano falhou o cut: no Waste Management Phoenix Open; no US Open; no The Open Championship; e, noPGA Championship. 

Ano 2016

Tiger não efectuou nenhum evento devido a anteior cirurgia que efectuou

 

Eventos

Cut

Vitórias

Top-10

Top-25

Money        
($US; €)

Ano

0

0

0

0

0

0

0

0

Carreira

327

301

79

29

19

186

249

110.061.012
(92.315.800)

 Ano 2017 

 

Eventos (a)

Cut

Vitórias

Top-10

Top-25

Money        
($US; €)

Ano

1

0

0

0

0

0

0

0

Carreira

328

301

79

29

19

186

249

110.061.012
(92.315.800)

(a) – Tiger disputou o Farmers Insurance Open de 26 a 29 de Janeiro que não concluiu

Artigos relacionados:
Woods acredita que a sua nova vida no golfe irá começar aos 40 anos
Woods acredita agora que a sua nova vida no golfe irá recomeçar aos 41 anos

Voltar

 


 

Sites


 






 



Revised: 28-11-2017 .