World Golf Championship

McILROY COM UM JOGO AGRESSIVO VENCEU PLAY-OFF  EM XANGAI

WGC - HSBC Champions

Data: 31 de Outubro a 3o de Novembro de 2019
Campo: Shenshan International GC
Par : 72
Local : Xangai, Republica Popular da China

Resultados

 

O HSBC Champion, que se realizou em Xangai, foi inaugurado em 2005, fazendo parte da série World Golf Championship (WGC) desde 2009, tendo sido co-sancionado pelos seguintes circuitos: Asian Tour, European Tour e PGA Tour.

Da serie fazem parte, o torneio que se realizou esta semana e os seguintes três eventos: México Championship; Dell Technologies Matchplay; e, o FedEx Cup St. Jude Invitational.

A 15ª edição do HSBC Champions foi disputado nos sete primeiros anos em Xangai, tomando em 2012 como palco o Mission Hills Golf Club, em Shenzhen, regressando em 2013 ao Sheshan International Golf Club, cujo campo é apresentado em flyover.

O torneio com um field de 78 jogadores teve como vencedor o natural da Irlanda do Norte, Rory McIlroy, 30 anos, que efetuou 67, 67, 67 e 68 pancadas, que produziu com: um eagle; 22 birdies; 44 pars; e, 5 bogeys, resultados com que apurou 19 pancadas abaixo do par do campo.

Com estes resultados McIlroy empatou com o vencedor do torneio do ano passado, natural de La Jolla, na California, Xander Schauffele, 26 anos, que bateu 66, 69, 68 e 66 pancadas, que concretizou com: 28 birdies; 35 pars; e, 9 bogeys.

Rory McIlroy apesar da sua decisão de tomar o seu jogo mais agressivo, bem evidente nas três primeiras rondas, em que fez nas mesmas 67 pancadas em cada, tendo no fim da terceira volta tomado a liderança do evento, com 15 pancadas abaixo do par do campo, ao bater 68 pancadas, empatou com Schauffele, que fez um birdie na ronda final, obrigando McIlroy a disputar o play-off.

O desempate efetuou-se no buraco 18, par 5, ficando resolvido na primeira tentativa, com Rory McIlroy a efetuar um birdie e Schauffele o par do buraco.

O natural da Irlanda do Norte obteve quatro vitórias na época 2008-2009 do PGA Tour e agora pela primeira vez, na época 2019-2020.

Este foi o terceiro título que McIlroy obteve na série WGC e o último, desde que conquistou o Dell Technologies Match Play em 2005.

O natural da Irlanda do Norte conseguiu esta vitória sem bogeys, nos 38 últimos buracos da competição.

Schauffele, que iniciou o torneio já vítima da ‘flu’ (influenza), iniciou a última volta com duas pancadas a mais que Rory McIlroy, as quais manteve até se encontrar a quatro buracos de terminar a ronda, tudo indicando que o vencedor seria o norte irlandês.

Tal, porém, não veio a acontecer, por Schauffele, no buraco 15, par 4, e no último buraco da ronda final, ter feito birdies, com McIlroy a efetuar quatro pars, resultados que obrigaram os dois oponentes a efetuar o play-off, cujo resultado já referimos.

O 3º lugar do torneio foi ocupado pelo natural de Mossel Bay, na África do Sul, Louis Oosthuizen, 37 anos, que iniciou a última volta com dois birdies; encontrando-se, desde então, empatado com McIlroy, até que no buraco 9, bateu uma bola contra uma árvore e, com um chip, não chegou ao fairway, o que se traduziu num bogey, ao qual juntou um outro no 11, par 4, o qual o deixou fora da corrida ao título, vindo a terminar a sua prestação com mais duas pancadas que McIlroy.

Rory tomou dois shots de vantagem com ‘alguma sorte’, no 14, par 5, em que fez um birdie com a bola a bater na vareta, sendo projetada para um rough.

Ao fazer o chip do rough a bola tomou tal velocidade que parecia que a mesma iria parar a cerca de 3 metros do buraco, o que não aconteceu, por o esférico ter batido na vareta da bandeira, ficando perto do buraco, permitindo a Rory efetuar o birdie com facilidade.

Rory McIlroy à sorte anterior, juntou mais uma jogada feliz, quando se encontrava com uma pancada a menos que Schauffele, tendo batido do fairway, deixou a bola num rough, a pouca distânbcia de estacas vermelhas, batendo então para o fairway, ficando contudo a bola a cerca de 7,5 metros do buraco, não conseguindo concretizar o putt, o que seria já sorte a mais.

Os jogadores seguintes receberam prémios, que para efeitos dos rankings, se apresentam em dólares e em euros: 

Classif

Jogadores

US$

€(euros)

Rory McIlroy

1,745 milhões

1.563.900

Xander Schauffele

1,095 milhões

981.358

Louis Oosthuizen

602 mil

539.523

4ºE

Abraham Ancer

370 mil

331.600

4ºE

Victor Perez

370 mil

331.600

4ºE

Matthias Schwab

370 mil

331.600

Nos quadros seguintes apresentam-se alguns jogadores acima referidos enquanto membros: do PGA Tour; do European Tour; e, de ambos os Tours:

Official Money e FedEX  Cup Season Points

Clas

Jogadores

Nº Eventos

Official Money

FedEx Cup Season Points

Posições

Valores atuais
US$

Posições

Pontos actuais

Ant

Atual

Ant

Atual

McIlroy

2

24º

2.310.500

35º

713

Schauffele

2

67º

11º

1.338.750

87º

87º

385

Oosthuizen

2

174º

26º

626.687

175º

34º

210

4ºE

Ancer

5

147º

45º

423.235

159º

49º

138

Corrida para o Dubai

Class

Jogadores

Nº Eventos

Corrida para o Dubai

Posições

Pontos

Ant

Atual

Ant

Atual

McIlroy

12

33º

1.263,5

2.763,5

Oosthuizen

12

11º

1.792,6

2.357.6

4ºE

Ancer

7

120º

120º

428,1

428,1

4ºE

Perez

22

19º

13º

1.526,0

1.908,1

4ºE

Schwab

26

32º

18º

1.281,0

1.663,1

Os vencedores do torneio em anos anteriores – para além de Xander Schauffele (2018) – obtiveram as seguintes posições e resultados: Hideki Matsuyama (2016) – 11ºE/-11; Francesco Molinari (2010) – 22ºE/-7; Phil Mickelson (2009), Bubba Watson (2014), Justin Rose (2017) – 28ºE/-5; e, Ian Poulter (2012) – desistiu.

Outros concorrentes que destacamos da classificação do torneio, concluíram as suas prestações nos lugares e com os resultados indicados: Patrick Reed – 8ºE/-12; Adam Scott, Sung Jae Im – 11ºE/-11; Tyrrell Hanton, Byeong Hun An – 14ºE/-10; Henrik Stenson, Corey Conners – 20ºE/-8; Billy Horschel, Haotong Li – 24ºE/-6; Scott Hend, Kevin Kisner – 28ºE/-5; Jorge Campillo, Charles Howell III, Paul Casey – 38ºE/-2; Jordan Spieth – 43ºE/-1; Adam Hadwin – 46ºE/par.

Voltar

 


 

Sites


 





Revised: 05-11-2019 .