Circuito Europeu de Homens

O ITALIANO MOLINARI CONSEGUE NUM PLAY-OFF  EM MARROCOS TERCEIRA VITÓRIA SERÔDIA NO TOUR

Trophée Hassan II

Data: 13 a 16 de Abril  de 2017
Campo: Red, no Royal Golf Dar Es Salam
Par:  73
Local :  Rabat, Marrocos

Resultados

 

O torneio inaugurado em 1971 é co-sancionado pelo European Tour desde 2010, tendo este ano e em 20016 sido disputado em Rabat, capital de Marrocos, tendo-se realizado de 2011 a 2015 em Agadir, cidade no sul do país.

O Royal Golf Dar Es Salam possui três campos – dois de 18 buracos e um de 9 buracos – que se encontram implantados em cerca de 500 hectares de florestas de carvalhos, muitos centenários, onde existem também maciços de flores e obstáculos de água em que alguns interferem com o jogo.

 

Os campos de 18 buracos são conhecidos pelos nomes: Red e Blue, tendo os percursos sido desenhados por Robert Trent Jones.

O campo Red é o mais difícil, que exige um jogo de precisão, tendo sido neste palco que se disputou o torneio, tendo-se realizado no Blue, na mesma data, o Lalla Meryem Cup.

No Trophée Hassan II, participaram 144 jogadores, dentre os quais surgiu como vencedor o italiano de Turim, Eduardo Molinari, 36 anos, que derrotou com um par, num primeiro buraco de play-off, o irlandês de Dublin, Paul Dunne, 24 anos, que fez num bogey na primeira tentativa de desempate no buraco 18, par 5.

Molinari conseguiu chegar ao play-off graças a um eagle que efectuou no 18, par 5, na última volta regulamentar.

A terceira ronda terminou com Dunne na liderança do torneio, após ter batido 73, 69 e 69 pancadas, 8 abaixo do par do campo, concluindo Molinari a dita volta com quatro pancadas abaixo do par do campo, após ter apurado 71, 74 e 70 shots.

Molinari conseguiu na última volta chegar ao empate graças aos resultados que apurou nos back-nine, após ter concluído os front-nine com as mesmas 36 pancadas que Dunne.

Dunne repetiu este resultado de 36 pancadas nos back-nine, onde Molinari concretizou: 2 eagles; 2 birdies; 4 pars; e, um bogey, ou seja, 32 pancadas, anulando as quatro pancadas de vantagem que Dunne trazia para a ronda final.

Eduardo Molinari conseguiu a sua terceira vitória no Tour, sete anos após ter consumado as primeiras em 2010, no Johnnie Walker Championship at Gleneagles e no Barclays Scottish Open, isto, quatro anos após se ter tornado profissional.

Molinari e Dunne receberam prémios nos montantes de 416.660 euros e 277.770 euros, valores que convertidos em pontos (1€ = 1 ponto) os colocaram, respectivamente, na Corrida para o Dubai no 14º lugar com 494.088 pontos, após ter disputado nove eventos esta época; e, na 20ª posição, com 403.975 pontos, atribuidos nos dez torneios em que já participou este ano.

O 3º lugar do torneio foi ocupado pelo inglês Paul Waring, 32 anos, que bateu 74, 71, 69 e 70 pancadas, 8 abaixo do par do campo, tendo recebido como prémio 156.500 euros, valor com que subiu na Corrida para o Dubai – após a conversão daquele valor em pontos – à 28ª posição, onde apresenta o total de 333.420 pontos, obtidos nos nove torneios que já efectuou esta temporada.

Ricardo Melo Gouveia obteve no torneio o 19º lugar empatado, que concretizou com 75, 69, 73 e 73 pancadas, marcas obtidas com: 17 birdies; 40 pars; e, 15 bogeys.

Com aqueles resultados nas rondas, Melo Gouveia movimentou-se do seguinte modo: 67ºE; 11ºE; 17ºE; e, 19ºE.

Com o prémio recebido, 27.968 euros, e após a conversão em pontos, subiu na Corrida para o Dubai da 154ª à 117ª posição, onde apresenta 56.926 pontos, que lhe foram atribuídos nos oito torneios que já disputou este ano.

Outros concorrentes que destacamos da classificação geral do torneio, obtiveram as seguintes posições e resultados: Chris Hanson – 6ºE/-5; Jordan Smith, Carlos Pigem – 8ºE/-4; James Morrison, Joost Luiten, Pablo Larrazabal – 13ºE/-3; e, Jorge Campillo – 19ºE/-2.

José Filipe Lima não passou o cut ao obter nas duas primeiras rondas,  77 pancadas em cada.

Não passaram o cut, dentre outros, os seguintes concorrentes: David Howell; Brandon Stone; Nacho Elvira; Julien Quesne; Niclas Fash; Thomas Detry; Richard Sterne; Scott Jamiesson; Thomas Bjorn; Stephen Gallacher; David Horsey (vencedor em 2011); Michael Howell (2012); Marcel Siem (2013); Richie Ramsey (2015); Jeung-hun Wang (2016).

Voltar

 


 

Sites


 






 



 

Revised: 17-04-2017 .